N,N-DMT é um psicoativo da família das triptaminas; causa intensos efeitos visuais e fortes efeitos psicodélicos quando fumado, injetado, cheirado ou ingerido oralmente com um IMAO. N,N-DMT é mais comumente chamado de “DMT”, apesar de às vezes isso causar confusão com com seu parente químico 5-MeO-DMT.

Ocorre em mais de 65 espécies de plantas e tem sido usado tradicionalmente na América do Sul na bebida ayahuasca pelo menos desde o primeiro contato dos europeus (em torno de 1500), sendo que evidências arqueológicas sugerem seu uso desde 2080 A.C.

Nos meados dos anos 1980 o DMT ganhou significante notoriedade pelos bem-humorados relatos de Terence McKenna sobre as visões que o DMT pode proporcionar.

Citando Terence McKenna, “A sensação de usar DMT é como se o indivíduo tivesse sido atingido por um raio noético. O mundo ordinário é quase instantaneamente substituído, não só como uma alucinação, mas como uma alucinação cujo caráter estranho é a sua total estranheza. Nada nesse mundo pode preparar alguém para as impressões que preenchem sua mente quando você entra no sensório do DMT.”

A experiência do DMT fumado é curta, mas incrivelmente intensa. O começo é rápido e frenético, às vezes comparado a ser lançado de um canhão ou viajar mais rápido que a luz. É uma experiência totalmente cativante e envolvente, com visões que variam muito de indíviduo para indivíduo. Usuários relatam visitar outros mundos; falar com entidades desencarnadas; profundas mudanças em suas perspectivas ontológicas; fantásticas cenas oníricas; forças assustadoras e esmagadoras; completas mudanças na percepção e identidade; seguido de um abrupto retorno ao patamar inicial. Por causa da natureza e intensidade da experiência, usuários estão quase sempre sentados ou deitados com alguém próximo para segurar o cachimbo (quando vaporizado) quando a experiência começa.

Positivos

  • experiências imersivas
  • alterações visuais persistentes e realistas com olhos abertos e fechados
  • reflexões psicológicas terapêuticas
  • mudança radical de perspectiva

Neutros

  • curta duração
  • poderoso e rápido surgimento dos efeitos
  • alteração na percepção do tempo
  • alucinações auditivas e distorções de sons (zumbido)

Negativos

  • problemas respiratórios
  • náusea e desconforto intestinal
  • paranoia, medo, pânico
  • dificuldade em integrar a positividade das experiências na vida cotidiana
  • experiências excessivamente intensas
  • letargia
  • falta de coordenação
  • dificuldade para se focar

Duração

Vaporizado
Duração total 6 – 20min
Início 0 – 1min
Primeiras sensações 0 – 30s
Pico 3 – 15min
Diminuição 3 – 5min
Efeitos posteriores 15 – 60min
Vaporizado
Mínima 2 – 5mg
Leve 10 – 20mg
Comum 20 – 40mg
Alta 40 – 60mg

Um dos principais problemas fisiológicos causados por fumar DMT é a natureza pesada da fumaça ou vapor, o que pode causar irritação na garganta ou no pulmão. O uso de DMT também pode causar problemas para alguns indivíduos, especialmente em doses altas, resultando em ansiedade, problemas para se focar em atividades diárias, insônia, etc. Geralmente esses efeitos se dissipam por si só ao longo de alguns dias, mas existem relatos de problemas persistentes.

Contraindicações

  • Os efeitos do DMT fumado são dramaticamente potencializados se usado por indivíduos que tomam IMAOs. Medicamentos que contêm IMAO incluem antidepressivos, assim como alcalóides de harmala presentes no Banisteriopsis caapi (ayahuasca) e Peganum harmala (harmal).
  • Não fique de pé. Não opere máquinas pesadas. Não dirija.
  • Indivíduos no meio de alguma perturbação emocional ou psicológica deve ter cuidado ao usar psicodélicos como o DMT, visto que a experiência pode se tornar ainda mais difícil de lidar.
  • Indivíduos com histórico familiar de esquizofrenia ou evidências de qualquer doença psiquiátrica deve ter extremo cuidado porque psicodélicos podem servir como gatilho para doenças mentais latentes.

Potencial aditivo

DMT não causa dependência física e não é conhecido por causar dependência psicológica. Como a maioria das substâncias, algumas pessoas o usarão mais do que eles se sentiriam confortáveis usando. Pode existir um curto perído de tolerância após o uso de DMT. Entretanto, Strassman et al. descobriu num estudo sobre tolerância ao DMT que quatro altas doses intravenosas seguidas de DMT administradas em intervalos de 30 minutos não produziram nenhum efeito notável de tolerância.

No Brasil, o DMT puro é listado como uma substância controlada, sendo ilegal a produção, distribuição e possessão.